• 2 stroke Here

    2 tempos é aqui!
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4

PREPARAÇÃO YAMAHA RD 350 ESTÁGIO NÍVEL 3 Á ÁLCOOL

Descrição técnica do Estágio-03 (álcool) de preparação by Serrano Racing

Estágio-03 = até 230km/h ou mais...

Na preparação estágio nível 3 a álcool para RD350 trata-se de uma preparação de alto nível com potência na casa dos 75cv, isso tudo com confiabilidade, durabilidade e segurança, tanto para andar em baixas, médias e altas rotações com parte elétrica normal e marcha lenta. A moto fica dócil, lisa, mas com um acerto de motor fantástico para andar acima dos 230 km/h.

Antes de executarmos a preparação propriamente dita será feita uma análise técnica dos componentes gerais do motor mais revisão criteriosa de todos esses componentes, juntamente com a verificação se o mesmo está apto a receber a preparação que consiste em:

1- Substituição do Virabrequim por um estágio 3 a álcool by Serrano Racing

2- Substituição do cabeçote por um estágio 3 a álcool by Serrano Racing

3- Substituição do Estator de ignição por um estágio 3 by Serrano Racing

4- Substituição dos escapamentos por um par de SR-3 by Serrano Racing

5- Substituição do torque induction por um V-Force

6- Substituição dos carburadores por maiores de alta performance

7- Substituição de velas originais por a álcool

8- Substituição dos pistões por especiais forjados

9- Rediagramação e preparação de cilindros

10- Reconfiguração do sistema de YPVS

11- Reconfiguração do sistema de lubrificação

12- Montagem geral e acerto específico para nível 3 de preparação

Inclui nos pacotes de preparação, mão de obra estrutural, preparação e rediagramação de componentes, peças de performance de acordo com o nível escolhido, mais mão de obra específica para o acerto.

Não inclusos peças estruturais que se façam necessárias por estarem fora de especificações técnicas exemplo:

Biela, rolementos, pistões, anéis, componentes diversos etc. Claro que as peças que estiverem em condições normais de uso não terãoEstator de ignição por um estágio 3 para álcool necessidade de serão substituídas.

Temos também outros itens de alta performance em nossa grade de produtos específicos para motos 2 tempos, exemplo:

Suspensões especiais reprogramadas, amortecedor de direção, freios redimensionados, carburadores de alta performance, ignições inteligentes, escapamentos importados, painéis personalizados, pinturas especiais, acessórios e etc...

Para mais detalhes, preços e formas de pagamento entre em contato: This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

AQUI A PERFORMANCE É LEVADA A SÉRIO!!!

Saiba mais sobre: RD 350 | DT200 | RD 135

Em 1967 a Yamaha lançou a RD, uma 350, 2 cilindros, 2 tempos.

Em 1968 é lançada a R2 350 com motor, chassi e componentes

totalmente diferentes, seu motor também 2 cilindros, 2 tempos,

passou a ser Twin (os pistões movimentam-se em conjunto).

Em 1969 foram fabricadas as R3, com visual similar a R2,

apenas com o velocímetro e tacômetro independentes

(antes era um mostrador único aclopado na cubado farol).

Assim como a R2, tiveram também a opção dos canos de

escapamento Scrambler (tipo trail)

e versão Grand Prix. Em 1970 vieram as R5, visual totalmente

remodelado e mecânica derivada das TR3 350 de competição,

imediatamente obtiveram sucesso em todo mundo.

Leia mais...


Yamaha RD 125, RD 125Z, RD 135 e RD 135Z foram modelos

de Moto produzidas e comercializadas no Brasil entre 1982 e 1999.

Sua principal e marcante característica é o Motor a dois tempos,

que oferece grande potência específica, ótimo desempenho,

grande possibilidade de preparação, bem como alto índice de

ruído e poluentes. Semelhante as Yamaha RD 350, foram

durante 17 anos comercializadas pela Yamaha do Brasil.

Após muitos anos comercializando motocicletas com Motor a

dois tempos e com muita tradição nas ruas e pistas de corrida,

a Yamaha do Brasil não pensou diferente ao introduzir no

mercado a RD 125Z em 1982.

Leia mais...

A Yamaha DT 200 é uma motocicleta com motor 2 tempos fabricada pela Yamaha no Brasil. A trail Yamaha DT200 surgiu no Brasil no final de 1991, em substituição a Yamaha DT 180, que sairia de catálogo em 1997. Em 1994, surgiu a Yamaha DT 200R, uma versão aprimorada da DT 200. Em 1997 a DT 180 e a DT 200 saíram de catálogo, e em 2000 a Yamaha DT 200R teve sua produção encerrada.

História

A Yamaha inaugurou o segmento trail no Brasil com a DT 180 no final de 1981. A DT 180 mostrou-se uma motocicleta muito versátil e robusta, mas com o passar dos anos apresentou limitações. Seu baixo desempenho e o alto consumo de combustível foram fatores que obrigaram a Yamaha a lançar uma versão mais moderna e aperfeiçoada de sua motocicleta trail. As concorrentes haviam lançado motos mais modernas e de melhor desempenho, como a Agrale EX 27.5 e a Honda XLX 350R.

Em 1990, a fábrica começou pesquisar um modelo trail, com base na DT 125, sucesso de vendas no exterior. A Yamaha determinou exigências em relação a sucessora da DT 180 que deveria possuir os seguintes atributos:

Leia mais...

Galeria de Fotos

Videos recentes:

Projeto desenvolvido para Yamaha DT 200, Duke estágio 1 light, reforma e design, confira mais no video:

Projeto desenvolvido para Yamaha RD 350 teaser Serrano Racing, confiram mais o vídeo:

Projeto desenvolvido para Yamaha RD 135 estágio de preraração nível 3, 'Pura Emoção', confira mais no vídeo:

performance 2 stroke here